Informativo Semanal
Informativo Diário
AviSite
PecSite
OvoSite
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Quarta-feira, 21/04/2021
Siga-nos:
Informativo Semanal Informativo Diário
NOTÍCIAS
Exportação de carne suína passa em mais de 50% resultados de março/20




Campinas, SP, 05/04/2021 | -


Embarques e faturamento também aceleraram em relação a fevereiro deste ano, sinalizando forte apetite chinês após o Ano Novo Lunar

De acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Camex) do Governo Federal, divulgadas nesta quinra-feira (1), as exportações de carne suína fresca, congelada ou resfriada durante todo o mês de março superaramem mais de 53% tanto em faturamento quanto em volume os resultados do mesmo mês do ano passado. Os números também indicam que as exportações da proteína aceleraram no comparativo com fevereiro deste ano.

Segundo o analista da SAFRAS & Mercado, Fernando Iglesias, o fechamento deste mês é o reflexo da China comprando agressivamente para a recomposição dos estoques estatais, após o feriadão do Ano Novo Lunar.

"Há muitas notícias vindas de consultorias internacionais apontando para vários casos de Peste Suína Africana na China, o que é ruim para o mercado, já que gera muita especulação. Mas é realmente estranho que a OIE (Organização Mundial da Sa´pude Animal) não tenha emitido nenhum relatório no mês de março sobre isso", disse.

A receita obtida com as exportações de carne suína até agora neste mês, US$ 244.308,244, ultrapassou em 56,58% o montante obtido em todo março de 2020, que foi de US$ 155.923,829. Quando comparado com o faturamento em fevereiro de 2021, US$ 173.392,196, houve avanço de 40,89%.

No caso do volume embarcado, as 96.822,846 toneladas são 52,9% a mais que o total exportado em março do ano passado, um total de 63.296,839. Quando comparado com o embarque total em fevereiro de 2021, 71.501,763, houve alta de 35,41%.

O faturamento por média diária neste março foi de US$ 10.622,097, quantia 49,87% a mais do que março de 2020. No comparativo com a semana anterior, houve queda de 4,44%.

No caso das toneladas por média diária, foram 4.209,688, aumento de 46,32% no comparativo com o mesmo mês de 2020. Quando comparado ao resultado no quesito da semana anterior, observa-se retração de 4,5%.

Já o preço pago por tonelada, US$ 2.523,249 neste mês de março, é 2,43% superior ao praticado em março passado. O resultado, frente ao valor atingido na semana anterior, representa leve alta de 0,1%.


Fonte: Notícias Agrícolas
Autor: Letícia Guimarães




COMENTÁRIOS



NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS












NOTÍCIAS MAIS LIDAS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS